Há Oportunidades, Há Talento, Há Inovação" 2

Há Oportunidades, Há Talento, Há Inovação”

Na maioria dos casos acaba por não comer na claro preguiça de sair pra via. “Nós Compramos e levamos qualquer artefato de sua cidade em questão de minutos. Estamos neste local pra poupar o tempo das pessoas. Nós o compramos para ti e o levamos pra onde quiser, e você pode acompanhar a tua glover por intermédio da app por todo instante”, explica o criador dessa plataforma, Oscar Pierre Miquel.

Este licenciado em engenharia aeronáutica, de vinte e três anos, decidiu começar a sua aventura depois de um ciclo em Airbus. Glovo é uma organização de mensagens rápida desenvolvida por glovers, autónomos identificados, que se oferecem pra realizar a encomenda e o fazem em menos de uma hora e a um preço muito competitivo. “As pessoas cada vez valoriza mais o teu tempo e não quer perdê-lo em comparecer ao Corte Inglês a comprar algo, pegar a roupa da lavanderia ou destinar-se até a outra ponta da cidade para entregar um pacote. O que nós fazemos é ligar estes usuários com glovers, que se encarregam de comprar, enviar e fazer os recados no momento”, salienta.

  • Está aberto ao mundo e à população, e respeita tuas diferenças
  • Capítulo 2×165 (389) – “Nosso Primeiro Trabalho”
  • o Que é um empreendedor
  • Serviço de tradução de conteúdos
  • Mensagens: 1.659
  • vinte de maio de 2010 | 17:00
  • 6 Aplicação das 5 S
  • Extensão: 805.9 quilômetros quadrados

Oscar Pierre participou da última sessão das Tardes de Empreendedorismo da UPF Barcelona School of Management, que organiza a UPF Business Shuttle, onde declarou que “Barcelona é a cidade ideal para empreender e descobrir investidores. Há oportunidades, há talento, há inovação”. Glovo foi um dos 3 projetos catalães finalistas no Mobile Premier Awards do Mobile World Congress. Pierre avisa de que empreender é rígido e profissionalizar a organização ainda mais: “Não é descomplicado, nós ainda não começamos benefícios, contudo estamos crescendo, consolidando a empresa e neste instante começamos a realizar o nosso paradigma de negócio real”.

Para os que querem empreender, recomenda usar tempo e olhar pra chance em um mercado crescente. “Grande divisão do meu tempo tenho dedicado a dominar pessoas, descobrir investidores, mostrar o meu projeto. O empreendedor precisa confiar em si mesmo e na sua ideia, porque no começo você está muito sozinho.

E necessita se cercar de pessoas com este mesmo espírito. Se eu tenho alguma recomendação é investir em teu micro computador e cria uma cultura de organização”. Para ele, o empreendimento deve ser um ingrediente-chave pros jovens. “As universidades devem nortear-se em focar os jovens a ponderar em desafios ou projetos que precisa a sociedade, que solvente problemas existentes. Nos Estados unidos, neste momento é desta forma e a criação se enfrenta a partir da inovação social. Isso foi o que a mim me deu o impulso pra resolver a empreender”, escolhe.

você É como sais no jornal? Você pensou antes de recomeçar como se você fosse afirmar? Foi saindo sozinho. Claro que eu não sou exatamente como dou a entender com ele, entretanto nem sequer eu sei como eu sou, em vista disso que é custoso me observar refletido em nada do que digo ou faço. Pois se te veja: gay felizmente emparelhado, de volta de tudo, obcecado por comida e o exercício, de modo consciente frívolo, lúcido e muito marquista. Pois não há dúvida que tudo isto é cota interessante do que eu sou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima